Inveja e fracasso – Leandro Karnal

Anúncios

PROMESSAS DE VIDAS PASSADAS E VOCÊ AGORA

PROMESSAS DE VIDAS PASSADAS E VOCÊ AGORA
Mensagem de Selácia
16 de Setembro de 2015

Mudanças de energias como estas que estão acontecendo agora podem ser inquietantes – tantas coisas mudando e com tanta rapidez! Uma bênção talvez que se impregna na superfície é um súbito lampejo de um insight sobre uma questão muito antiga que você foi incapaz de resolver.

Ciclos de Eclipses e até o Mercúrio Retrógrado podem desencadear estes insights. É como um holofote que brilha em incongruências e antigos padrões anteriormente indecifráveis. Saber de antemão que os próximos dois meses oferecem este potencial poderá ajudá-lo a chegar ao fim da estrada com um dilema, talvez de vidas passadas.

A consciência é como uma chave que o ajuda a permanecer atento a uma porta bem à frente. Quando você age de acordo com o que sabe, explorando ativamente as coisas, a chave abre a porta.

Você tem um destes problemas que não irá desaparecer – não importa o que você faça – impenetrável a qualquer solução que já tenha aplicado?

CURA DO DNA

Considere por um momento que, talvez, as raízes do seu problema são muito antigas, remontando a séculos no tempo. Se você experienciou a cura do DNA e modalidades relacionadas de cura, está familiarizado com os desafios que uma pessoa pode ter ao longo de inúmeras vidas, enquanto a sua alma aprende lições fundamentais e, às vezes, assume padrões cármicos. De vez em quando, uma alma irá escolher assumir uma imensa dívida cármica, tanto para evoluir quanto para ajudar a humanidade.

Escolhas como estas, muitas vezes, traduzem-se em juramentos e promessas – pessoas que prometem ou se comprometem a fazer ou ser algo específico. Durante milhares de anos, na verdade, juramentos e promessas eram comuns em toda a sociedade.

VOTOS RELIGIOSOS

Muitas vezes, havia uma ligação com a religião – como os juramentos de pobreza e votos de castidade celibatária. As mulheres que entravam na vida monástica, por exemplo, geralmente assumiam 300 votos para serem completamente ordenadas.

VOTOS SECULARES

Nem todos os juramentos e promessas se relacionam com a religião. Alguns envolvem uma profissão, como o Juramento de Hipócrates. Outros de séculos passados incluem o Juramento de Pobreza, uma declaração sob juramento feito por uma pessoa de que ela não tem dinheiro ou propriedade.

VOTOS INDIVIDUAIS

Outros ainda são aqueles que um indivíduo faz, seja durante uma vida inteira, ou mesmo entre vidas, comprometendo-se a fazer ou não algo específico. Se você fez tal juramento ou promessa antes desta vida, as chances são de que você não se lembre dele(a) hoje.

VOTOS DO PASSADO E VOCÊ AGORA

Por que você iria se preocupar com um juramento ou promessa feita há muito tempo? Na verdade, se você fosse um sacerdote jurando pobreza, você não precisaria de dinheiro para coisas seculares. Da mesma forma, se você fosse um plebeu fazendo o juramento de Pobreza, você estaria simplesmente em conformidade com as leis sociais afirmando a sua circunstância.

Avancemos rapidamente para agora. Se você fez tal juramento ou promessa em sua vida passada, isto ficou gravado em seu DNA e o acompanhou ao longo das existências desde que você o fez. Votos como estes nem sempre estão ativos, mas podem ser estimulados por situações – como uma crise econômica ou a perda de um cônjuge que era o provedor da família. Quando isto acontece, ainda que você seja bom com dinheiro e nunca tenha tido problemas de dinheiro antes, você poderia experienciar conflitos com o dinheiro.

VELHOS PADRÕES

Da mesma forma, digamos que você teve uma série de vidas difíceis, com um determinado grupo de pessoas. Talvez você tenha sido forçado, ou de outra forma, convencido a acompanhar os cenários estranhos deste grupo. Então, durante uma vida pouco antes desta, você prometeu que quando viesse com este grupo e a sua energia excêntrica novamente, você seria aquele a seguir em frente e parar com a loucura definitivamente. Talvez, nesta vida você tenha encontrado estas pessoas novamente, sem compreender por que seria atraído para o seu círculo. Então, ao longo do tempo com a compreensão e se movendo através de ciclos de energia como temos agora, você finalmente assimila a mensagem.

Você explora ativamente o que esta mensagem significa – quem, o que, como e por que. Quando você observa a grande cena do seu dilema, você, finalmente, tem um contexto para a loucura. Você é incentivado a compreender finalmente a sua longa luta e a ver que o fim está à vista. Você tem a chave para a porta!

PROMESSAS PARA USAR DONS E CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Outro tipo de promessas feitas antes desta vida é a que envolve o uso de dons e conhecimentos específicos. Estas promessas podem se relacionar com uma atrocidade passada testemunhada diretamente. Talvez você tenha experienciado e aprendido com isto, compreendendo como isto poderia ser evitado. Se assim for, você pode ter prometido erradicar tais injustiças que você viu no futuro. Hoje, talvez sem compreender plenamente o motivo, você tem estado extremamente apaixonado por uma atrocidade dos dias atuais. Isto pode se traduzir em um forte desejo de fazer algo – como trabalhar com animais abandonados ou ajudar um determinado grupo de pessoas carentes.

Promessas que envolvem o uso de dons específicos se relacionam também com algo que você dominou em outra vida – como cantar ou desenhar. Talvez entre a última existência e esta, em um nível de alma, você prometeu usar o seu dom nesta vida fundamental e significativa.

No início desta vida, você poderia ter tido um interesse em desenvolver este dom, mas as circunstâncias podem tê-lo impedido de agir de acordo com este interesse. Hoje, talvez você esteja em algum tipo de encruzilhada com o seu trabalho de vida, em parte porque a promessa desta vida passada está em seu campo de energia, à espera de sua descoberta.

Se este exemplo ressoar com você ou catalisar outro conhecimento, certifique-se de verificar com a sua sabedoria mais elevada sobre os próximos passos mais apropriados. Algo maravilhoso poderia estar esperando por você do outro lado da porta!

Direitos Autorais 2013 * www.selacia.com

Você está convidado a compartilhar estas mensagens do Conselho dos 12 com outros, e colocá-los na Internet, na mídia social, em blogs e em sites. Por favor, inclua toda a mensagem, a fonte e o endereço do site. Que possam caminhar em um mundo cheio de amor e de bondade.
Traduzido por: Regina Drumond Chichorro  – reginamadrumond@yahoo.com.br 

Extraído de http://www.luzdegaia.net/conselho/selacia/p_vidas_passadas.html


Dança das feras II – Wagner Borges

Extraído originalmente de http://www.ippb.org.br/textos/textos-periodicos/540-danca-das-feras-ii
Lá fora, na floresta da vida, os tigres rugem, e por isso você treme de medo de viver.
No entanto, há uma outra floresta, dentro de você mesmo.
Em lugar das árvores e da vegetação densa, essa floresta é constituída de seus pensamentos, sentimentos e energias conscienciais.
Escondidas dentro da mata de dentro, à espreita, estão outras feras.
São os tigres do ego, violentíssimos e famintos.
Há os tigres de fora, e os tigres de dentro.
Qual deles você teme mais?
Para lidar com as feras de fora**, basta se precaver e cercar o perímetro de sua vida com a devida segurança. Porém, o que fazer com as feras de dentro?
Os tigres de fora podem devorar o seu corpo, mas, ainda assim você viverá, em espírito. Entretanto, os tigres do seu ego podem devorar o seu espírito, por dentro e constantemente, despedaçando o seu equilíbrio superior.
Como enfrentá-los? O que fazer por dentro de si mesmo?
É Krishna, o Senhor dos olhos de lótus, quem dá a seguinte receita aos homens:
1. Com o discernimento a toda, corte as garras das feras!
2. Com o bom senso, serrilhe as presas delas!
3. Com o amor e a sabedoria integrados em si mesmo, amanse as feras de dentro!
4. Se não é possível matar as feras interiores, nesse momento de sua vida, então domestique-as com inteligência!
5. Deixe as feras calmas, tornando-se sereno também!
6. Não permita que o seu espírito seja mordido novamente. Amanse as feras em você mesmo!
7.As feras gostam de violência. Não permita que os seus pensamentos e emoções violentas sejam alimento para elas!
8.Há feras espreitando os seus caminhos, de dentro e de fora. O remédio é o mesmo, para ambos os caminhos: discernimento a toda!****

– Wagner Borges, ser humano normal, com defeitos e qualidades, também sujeito a violência das feras de dentro, mas, tentando enfrentá-las com inteligência e criatividade, e seguindo o conselho de Krishna, com o discernimento a toda!
São Paulo, 23 de julho de 2004.

P.S.: Esses escritos foram feitos de improviso no quadro de aula, durante uma palestra no IPPB, com cerca de 250 pessoas presentes.

* O primeiro texto está postado na seção de textos periódicos de nosso site. É o texto 537, postado em 20 de julho de 2004.
** Naturalmente, as feras de fora têm sua própria natureza; não são boas ou más, são apenas expressões da vida em seu ciclo animal, e precisam ser respeitadas, assim como todas as formas de vida e seus ambientes vitais.
*** Enquanto digitava essas linhas, lembrei-me de uma canção que fiz para Krishna horas antes. É simples para definir o que sinto por esse amigo espiritual, a quem devo tanto, por tantas coisas ao longos dos milênios de vivências, mas é de coração e reflete mesmo a benção que carrego dentro dele: a benção de caminhar pela vida com a espiritualidade acesa, para enfrentar e vencer a mim mesmo na jornada, e ser feliz!